Pães IMagem

Eu preciso de rastreabilidade?

Vamos começar pelo básico. O que é rastreabilidade?

Se pararmos pra pensar, a palavra vem de rastrear. Rastrear um veículo? Também, pois você consegue saber a rota dele desde o início do trajeto até a sua chegada.

Mas, em termos de gestão INDUSTRIAL, rastreabilidade tem a ver com isso, significa conhecer o caminho que levou o seu produto a chegar no resultado final. Em resumo:

  1. O que (o produto),
  2. Origem (De onde veio, quais as matérias primas) e
  3. Destino (para quem foi vendido).

É como se fosse a identidade daquele item, onde apresentam o lote e demais informações, conhecer todo o trajeto produtivo.

E o que tem a ver com o meu negócio, para que serve? Um exemplo: tenho uma indústria alimentícia e estou na dúvida, tenho que ter esse negócio aí, devo  controlar o meu estoque assim? E agora o que eu faço?

Para responder esta pergunta vamos imaginar uma situação hipotética onde vc tem uma indústria alimentícia que fabrica diversos tipos de pães (se não gostar de pães, imagine com bolos, que tal? Delícia!) .

Num belo dia um de seus clientes, justo aquela grande rede de mercados que tanto vc demorou  para conquistar, te liga e avisa que achou alguns pães (ou bolos) seus estragados na gôndola mesmo estando dentro do prazo de validade.

Na ligação vc diz que vai trocar imediatamente. Simples, resolvido, vou lá, troco e pronto! Pera aí, #SQN!

A situação é mais complexa e merece aprofundamento para não abalar a confiança do cliente. Confiança nos negócios, é tudo.

Mas e agora? Como ele vai ter certeza que não existem mais produtos com defeito no estoque dele? Qual a melhor prática de gestão nesta situação? Devo recolher tudo? O que faço? Ai que entra o C.S.I.

Vamos pensar num exemplo em que vc inspecionou os produtos com defeito e descobriu que a farinha que vc usou estava estragada e foi ela que causou todo o dano. Neste momento vc vai precisar saber dentro do seu portifólio quais produtos tem em sua receita a danada da farinha,  pois assim saberemos quais produtos usaram aquela bendita farinha estragada. Neste mesmo sentido, teremos que saber quais as empresas que compraram tais produtos para programar os recolhimentos.

Outro fator que vc vai querer analisar é, para possivelmente, poder responsabilizar o seu fornecedor de farinha pelo dano causado em toda a sua produção que utilizou a matéria-prima dele que estava defeituosa.

 RESPOSTA: PRECISO/QUERO/NECESSITO TER RASTREABILIDADE ATRAVÉS DO CONTROLE DE LOTE🎯

A melhor prática para resolver o problema é tendo sim, a rastreabilidade e mostrando para o seu cliente que vc tem este controle de forma sistematizada. Isso economiza um tempo…. e dá respostas mais exatas,  ou seja, além de conhecer todo o processo de produção do seu produto final de “cabo a rabo”, com um software de gestão como AMPLUS-ERP e alimentando os lotes, automaticamente vc consegue saber em quais ordens de produção foram utilizadas cada a matéria prima em que vc administrou o lote e na sequência consegue saber para quem vc as vendeu.

Desta forma vc terá total controle e condições de saber todos os clientes que compraram o produto estragado e quais produtos usaram aquele determinado lote de matéria prima estragada.

Dúvidas? Podemos te ajudar! 43 3372-7700